INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 20/01/2022

Infraestrutura em Destaque

20/01/2022

João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com

Juan Cabral Cuervo juan.cuervo@vallya.com

Destaques do Dia Ministério da Infraestrutura duplica área de porto de Santos (SP): Ontem (19), a área seca do porto de Santo (SP) foi duplicado pelo Ministério da Infraestrutura. Essa expansão foi realizada visando o aumento do valor de mercado do porto, uma vez que, até o final de 2022, será concessionado. O anúncio da expansão da área foi feito em uma portaria publicada no DOU (Diário Oficial da União) nesta quarta-feira. A área, que engloba acessos, instalações, terminais arrendados e áreas de expansão do porto, passou de 8 km² para 15,5 km². Agora, as novas áreas do porto são greenfiel, ou seja, áreas inexploradas. Além disso, o presidente da SPA (Santos Port Authority), Fernando Biral, em comunicado da companhia, afirma que a nova poligonal possibilita novos projetos como porto-indústria e novos terminais. A definição da ocupação das áreas será feita por meio do PDZ (Plano de Desenvolvimento e Zoneamento). Os documentos e modelagem já vão contemplar a expansão da área seca do porto e deve ser publicada nas próximas semanas. (Poder 360) Governo de São Paulo assina concessão de áreas turísticas do Cantareira e Horto Florestal: O contrato de concessão das áreas de uso público dos parques da Cantareira e Alberto Lofgren – Horto Florestal, ambos na capital – foi assinado ontem (19) pelo Governador João Doria (PSDB). A concessionária Urbia Águas Claras será responsável pela zeladoria, manutenção e operação dos serviços pelos próximos 30 anos, com investimentos mínimos de R$ 45,5 milhões, dos quais R$ 31 milhões deverão ser aplicados até 2028. Os parques ficam na zona norte de São Paulo e abrangem também o município de Mairiporã. Os destaques são a visitação ao mirante da Pedra Grande, a mais de mil metros de altitude na Serra da Cantareira, e o Museu da Madeira, no Horto Florestal. Ambos fazem parte da Reserva da Biosfera do Cinturão Verde da Cidade de São Paulo, trecho integrante da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica. A Urbia Águas Claras ficará responsável pelos serviços de limpeza, manejo e vigilância patrimonial, modernização das estruturas existentes e aumento da oferta de serviços, além de conservação e manutenção dos espaços. A área de concessão corresponde a 3,6% do espaço total dos parques e é restrita a locais de uso público. Desde 2019, o Governo de São Paulo concedeu seis parques à iniciativa privada: Capivari e Horto Florestal (ambos em Campos do Jordão); Caminhos do Mar (Baixada Santista); e Zoológico, Zoo Safari e Jardim Botânico (todos na capital). Em três anos, o Estado registrou desoneração de R$ 10,7 bilhões com um pacote de concessões que incluem rodovias, aeroportos e parques. O edital de concessão dos parques Água Branca, Villa Lobos e Cândido Portinari, todos na capital, também está aberto. São Paulo possui cerca de 4,6 milhões de hectares de áreas protegidas, e o Estado gasta mais de R$ 150 milhões por ano em manutenção, conservação, infraestrutura, limpeza e vigilância. (Governo do Estado de Paulo) Edital de concessão da Codesa será publicado amanhã: O edital do leilão de concessão da Companhia Docas do Espírito Santo (Codesa) vai ser publicado amanhã (21) pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). O evento, que prevê a transferência do controle da companhia e a concessão dos portos de Vitória e Barra do Riacho, localizados no litoral capixaba, está previsto para ocorrer no dia 25 de março, na bolsa de valores, B3. O texto do edital, assim como a Minuta do Contrato de Concessão, foi aprovado pela Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq) e o texto do edital elaborado pelo BNDES, no dia 14 deste mês. O contrato prevê a concessão dos portos por um prazo de 35 anos, prorrogável por mais cinco anos. De acordo com o BNDES a previsão é de sejam investidos R$ 334,8 milhões, além de aproximadamente R$ 1 bilhão para custear as despesas operacionais. (Diário de Pernambuco)

Outras notícias

  • Segundo publicação no Diário Oficial de hoje (20), o pregão eletrônico para concessão das estações Jundiapeba, Mogi das Cruzes e Estudantes, da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos – CPTM, que seria realizada nesta quinta-feira, foi remarcado para o dia 21 de março. (Viatrolebus)

Painel Infra Mensal

Painel Infra Mensal

Painel Semanal

Painel Apple


Painel Google



Copyright © Vallya 2022, Todos os direitos reservados.

Posts recentes

Ver tudo

Infraestrutura em Destaque 08/12/2022 Alan da Mota Penteado Rafaini alan.rafaini@vallya.com João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com Destaques do Dia Câmara dos Deputados vota em projeto de

Infraestrutura em Destaque 07/12/2022 Alan da Mota Penteado Rafaini alan.rafaini@vallya.com João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com Destaques do Dia Leilão para revitalização do Cais Mauá s

Infraestrutura em Destaque 06/12/2022 Alan da Mota Penteado Rafaini alan.rafaini@vallya.com João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com Destaques do Dia Concessão da MS-112 e de trechos da BR-1