INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 16/10/2020

João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com

Alexandre Groszmann alexandre.gros@vallya.com


Destaques do Dia Vencimento de títulos em 2021 põe investidores em alerta: uma fatura de R$ 643 bilhões em dívidas do governo federal vencerá entre janeiro e abril do ano que vem, valor que representa mais que o dobro da média registrada nos últimos cinco anos. Em quatro meses, o Tesouro terá de pagar aos investidores o equivalente a 15,4% da dívida interna brasileira. Em abril de 2021, por exemplo, os vencimentos somarão R$ 358,8 bilhões, valor que representa quase o mesmo volume de todos os vencimentos do primeiro quadrimestre deste ano. A situação se agravou nos últimos meses por dois motivos: i) os gastos com a pandemia, que devem levar a dívida pública a um patamar de 100% do PIB, e; ii) a falta de perspectiva de ajuste fiscal nas contas públicas, que coloca em risco a trajetória de médio e longo prazo da dívida pública, tendo como pano de fundo o temor quanto a adoção de medidas populistas, visando reeleger o presidente Jair Bolsonaro. Diante este cenário, o Tesouro enfrenta dificuldades crescentes para emitir títulos de longo prazo e passou a vender títulos com prazo cada vez mais curto – de seis meses a um ano – o que acabou provocando a concentração dos vencimentos nos primeiros meses de 2021, situação que poderá perdurar ao longo do ano que vem. Medidas devem ser tomadas para que caso a situação fiscal continue incerta ou haja um evento de risco o Tesouro não fique numa situação de rolagem de volumes elevados a qualquer preço. Governo de MG estuda novo modelo para privatização da Cemig visando viabilizar a pauta na Assembleia Legislativa e tornar realidade uma promessa de campanha do governador Romeu Zema (NOVO). A ideia é não negociar o total da participação que o Estado tem na empresa, mas sim parte dela, abrindo espaço para novos acionistas. A equipe econômica acredita que o governo perderia controle com a chegada destes “novos sócios”, mas a companhia valeria mais financeiramente em termos de patrimônio, até mesmo em comparação com a participação acionária que o governo possui atualmente. Dado a complexidade da pauta, a ideia do governo é de encaminhar a privatização da companhia elétrica por último para ALMG. O Estado ainda tem a intenção de vender os ativos da Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa) e da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig). Além de ser uma promessa de campanha, uma vez que o Partido Novo é o principal defensor da privatização de instituições públicas, a venda de uma estatal mineira é o que pode viabilizar que o governo de Minas seja aceito no Regime de Recuperação Fiscal da União. A União queixa-se da falta de contrapartida do Estado para aderir ao programa, uma vez que também concedeu reajuste a servidores. MMA lança edital de concessão de parques nacionais na região Sul: juntos, os parques da Serra Geral e Aparados da Serra abrangem área de aproximadamente 30.400 hectares. De acordo com o ministro do meio ambiente, Ricardo Salles, a concessão movimentará em torno de R$ 270 milhões ao longo do contrato de 30 anos, sendo que R$ 14 milhões serão investidos nos primeiros 4 anos. Entre as obrigações do futuro concessionário, estão a manutenção de brigada de incêndio, monitoramento ambiental e manejo de espécies, programa de voluntariado, além de serviços de manutenção, limpeza, segurança dos visitantes, estacionamento, transporte interno, brigada de incêndio, acessibilidade, entre outros itens. O ministro ressaltou o potencial turístico da região, e também afirmou que outros parques estão em processo de concessão: “em seguida virão São Francisco de Paula (RS) e Canela (RS)”. 


Outras notícias

  • O BNDES iniciou o roadshow para privatização da CEB-D. Entre as empresas que já sinalizaram publicamente interesse em avaliar a aquisição do ativo estão CPFL, EDP Energias do Brasil, Equatorial e Neoenergia. A concessionária também faria sentido para a Enel, que já opera em Goiás, pelas sinergias que poderiam ser obtidas com as duas concessões. O grupo Energisa também é citado entre os potenciais interessados. 

  • O governador de Alagoas, Renan Filho (MDB) se reuniu com representantes da BRK Ambiental para tratar do processo de transição voltado à gestão e operacionalização dos serviços entre a Casal e a companhia. Na ocasião, ficou definido que a transição contará com um grupo de trabalho colaborativo entre a estatal e a concessionária. 

  • O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (NOVO) inaugurou cinco quilômetros de duplicação da MG-050 no município de Passos. "O ideal eu diria seria que nós tivéssemos recursos para duplicar tudo. Mas infelizmente o Estado não tem, aquilo que a empresa recebe de pedágio não é suficiente para que essa duplicação ocorra, mas nós vamos estudar novas alternativas", disse o governador. 

  • A Prefeitura de Poços de Caldas (MG) decidiu suspender temporariamente o processo de concessão dos pontos turísticos da cidade à iniciativa privada após nenhuma empresa apresentar propostas interessadas no projeto. O edital passará por alterações buscando maior atratividade para empresas privadas. O edital, publicado em agosto, pretendia transferir os pontos para a iniciativa privada pelo prazo de 35 anos, com investimentos de R$ 40 milhões nos primeiros 5 anos da concessão.

Painel Infra Mensal




Painel Infra Semanal




Painel de Ações



Painel Apple




Referências

  • Contrato da PPP da iluminação será assinado em breve (jornalfolhadoestado.com)

  • Contrato entre Prefeitura de Feira de Santana e empresa para PPP da iluminação pública será assinado (jornalgrandebahia.com.br)

  • Governador Romeu Zema inaugura obras de duplicação da MG-050, em Passos, MG (g1.globo.com)

  • Sem empresas interessadas, Prefeitura suspende projeto de concessão de pontos turísticos (jornalfloripa.com.br)

  • BNDES inicia roadshow para privatização da CEB-D (terra.com.br)

  • Governo lança edital para concessão de parques nacionais (jornalpp.com.br)

  • Governo lança edital para concessão de parques nacionais; (jornalgrandebahia.com.br)

  • MMA lança edital para concessão de parques nacionais no Sul (aquiacontece.com.br)

  • Aumento da inflação na reta final do ano cria desafio para o teto de gastos - Economia (economia.estadao.com.br)

  • Empreendimentos no Polo Cabo Branco devem injetar R$ 600 milhões na economia da PB (g1.globo.com)

  • Aditivo de Viracopos gera mais um embate (valor.globo.com)

  • Projeto do BNDES prevê conceder saneamento do Amapá a empresa privada por 35 anos; veja etapas (g1.globo.com)

  • Água e esgoto: Governo e BRK iniciam discussão sobre plano de transição dos serviços (agenciaalagoas.al.gov.br)

  • Governo e BRK iniciam discussão sobre plano de transição dos serviços de água e esgoto (agenciaalagoas.al.gov.br)

  • Concessão de saneamento é para universalizar serviço, não para arrecadar (.folha.uol.com.br)

  • Governo de MG estuda novo modelo para venda da Cemig (otempo.com.br)

  • Vencimento de títulos no início de 2021 põe governo e investidores em alerta (economia.estadao.com.br)


Copyright © Vallya 2020, Todos os direitos reservados.

Posts recentes

Ver tudo

INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 26/11/2020

João Pedro Boskovic Cortez | joao.cortez@vallya.com Alexandre Groszmann | alexandre.gros@vallya.com Destaques do Dia Porto de Santos tem ciclo de obras pré-desestatização: em meio aos estudos iniciai

INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 25/11/2020

João Pedro Boskovic Cortez | joao.cortez@vallya.com Alexandre Groszmann | alexandre.gros@vallya.com Destaques do Dia ANAC aprova reequilíbrio econômico-financeiro em concessões de quatro aeroportos:

INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 24/11/2020

João Pedro Boskovic Cortez | joao.cortez@vallya.com Alexandre Groszmann | alexandre.gros@vallya.com Destaques do Dia Guedes faz mea-culpa e diz que governo “vai para o ataque” com privatizações e ref

 

CONTACT VALLYA

BRASÍLIA

SHIS QI 11
Conjunto 10 Casa 7

 

Lago Sul

Brasília - DF

 

+55 61 3364.0955

PEQUIM

Rm1810, Scitech Tower

 

22 Jianguomenwai

 

Pequim

China

 

+86 10 8511 3729

PORTO ALEGRE

Rua Prof. Langendonck, 57
6° andar

 

Petrópolis

Porto Alegre - RS

 

+ 55 51 3331.5004

Grupo Vallya 2020. Todos os direitos reservados.