INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 07/10/2020

Atualizado: Nov 3

João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com

Alexandre Groszmann alexandre.gros@vallya.com

Destaques do Dia Setor aéreo vai “queimar” US$ 77 bi no segundo semestre: a estimativa é dada pela Associação Internacional de Transporte Aéreo (Iata), que representa 290 companhias aéreas ao redor do mundo. A despeito de terem reiniciado as suas operações, promovido uma série de medidas para redução de custos  e recebido subsídios governamentais (a entidade estima US$ 161,9 bilhões), as companhias aéreas devem usar cerca de US$ 13 bilhões mensalmente do dinheiro em caixa para sustentar suas operações no segundo semestre. Somente no segundo trimestre, estima a Iata, o setor aéreo queimou US$ 51 bilhões de caixa. No período, as companhias aéreas reduziram suas despesas em aproximadamente 50%, mas a receita caiu 80%. A projeção para 2021 também não é promissora: a entidade estima que as empresas terão de usar de US$ 5 bilhões a US$ 6 bilhões por mês para sustentar as suas operações. Sem uma nova rodada de subsídios visando mitigar os efeitos da Covid-19 na aviação, alerta a Iata, as companhias áreas têm caixa suficiente para sustentar 8,5 meses de operação. O setor não deve registrar um saldo positivo até 2022.  OMC revisa previsão e calcula queda de 9,2% no comércio global de bens este ano: a revisão se deu pelo desempenho acima das expectativas do comércio em junho e julho, conforme as medidas de restrição no combate à pandemia foram sendo levantadas e a atividade econômica acelerou, especialmente no comércio de produtos relacionados à pandemia. Por um lado, a estimativa para este ano passou de queda de 12,9% no cenário otimista elaborado em abril (o cenário pessimista previa uma queda de até 32%) para 9,2%. Por outro, a OMC agora estima uma alta de 7,2% para o ano que vem, mais modesta do que a expansão de 21% a 24% esperada anteriormente. A OMC destaca que o ritmo de recuperação depende da evolução da pandemia e a resposta dos governos a ela: “mais efeitos negativos são possíveis se houver ressurgimento da Covid-19 no quarto trimestre” alerta a entidade.  Ministério de Desenvolvimento Regional seleciona consórcios municipais para estruturação de projetos de resíduos sólidos: o ministério selecionou 23 consórcios de municípios, que contemplam 304 cidades, para receber recursos do FEP (administrado pela Caixa Econômica Federal) para estruturação de projetos de concessão de serviços públicos de manejo de resíduos sólidos. O FEP custeia todos os estudos necessários para a modelagem da concessão ou parceria público-privada. Os custos incluem estudos jurídicos, de viabilidade técnica e financeira, além da modelagem econômica. Para isso, o governo federal contrata consultorias especializadas e a Caixa Econômica fornece suporte técnico e financeiro aos estados, municípios e consórcios intermunicipais.  Ao todo, 41 consórcios participaram no processo seletivo. Primeira etapa da PPP Piauí Conectado é concluída com 9 meses de antecedência: a iniciativa é responsável por levar internet de banda larga para cidades que não contam com os serviços, promovendo a inclusão digital, a otimização de serviços públicos e a redução de gastos. Em sua primeira etapa, o Piauí Conectado alcançou 96 municípios em todo o estado, com mais de 2.00km de fibra ótica implantados e investimentos que superam R$ 80 milhões. A próxima etapa prevê a expansão do serviço para mais 123 municípios, alcançando a marca de 100% do estado coberto por banda larga. Ao final do contrato, serão mais de R$ 214 milhões investidos no empreendimento. A velocidade mínima estipulada é de 30 Mbps nos pontos de internet nos órgãos estaduais e de 40 Mbps nos pontos de acesso público.   Movimentação Ecorodovias permanece estável, mas com queda em outlier: após passar quatro sucessivas semanas com movimentação positiva, os dados da 5ª semana de setembro apontam para queda de 2,7% na movimentação em rodovias sob gestão da companhia, em comparação com o mesmo período do ano passado. Ao analisar os dados de maneira pormenorizada, a queda foi fortemente influenciada por conta do trecho Ecovias Caminho do Mar (- 2,7% ante + 28,6% na semana passada). O trecho Ecosul continua sendo o mais afetado, com queda de 20,7% no período. Os trechos Eco101 e Ecocataratas obtiveram resultado positivo, com aumento na movimentação de veículos de 18% e 1%, respectivamente. 


Outras notícias

  • Foram assinadas sete portarias conjuntas entre o Ministério da Infraestrutura e a Força Aérea Brasileira (FAB) visando trazer maior segurança jurídica para o uso de áreas conjuntas nos aeroportos contemplados pela 6ª rodada de concessões aeroportuárias. O alinhamento das necessidades de ambos os órgãos foi uma demanda para as futuras concessões, que permitiu alterações das normas regulatórias nacionais e internacionais relativas à segurança operacional. Entre os aeroportos contemplados estão os de Manaus (AM), Bacacheri (PR), Boa Vista (RR), Porto Velho (RO), Teresina (PI) e São Luís (MA). 

  • A empresa Bracell SP Celulose Ltda. recebeu aprovação, para fins de habilitação ao Regime Especial de Incentivos para o Desenvolvimento da Infraestrutura, do projeto destinado à aquisição de 463 vagões e 21 locomotivas para transporte de celulose, via ferrovia, do município de Pederneiras até Santos, no Estado de São Paulo. O investimento é de aproximadamente R$ 573 milhões e as suspensões fiscais ficarão em torno de R$ 53 milhões. Em agosto, a empresa, do grupo asiático RGE, venceu o leilão de arrendamento portuário do terminal de celulose STS 14A no Porto de Santos.  

  • O governador do Paraná, Carlos Massa Jr. (PSD) se reuniu com o CEO da JBS, Wesley Filho, para tratar de novos investimentos da empresa no Paraná. Ainda em fase de elaboração, a companhia planeja realizar forte investimento na industrialização das cadeias de frango e suínos nos próximos anos. Carlos Massa Jr. tem destacado a sua ambição em tornar o estado em importante polo logístico através de projetos como o Novo Anel de Integração Rodoviário, que contará com a participação da iniciativa privada na expansão, modernização e gestão de aproximadamente 4.100 quilômetros de rodovias, com investimentos (CAPEX & OPEX) que podem chegar a R$ 100 bilhões ao longo do contrato de concessão. 

  • A Justiça Federal suspendeu as licenças ambientais que foram concedidas a Engie, responsável pela construção de linhas de transmissão de energia na área de preservação ambiental da Escarpa Devoniana, na região dos Campos Gerais do Paraná. As linhas vão cruzar 27 municípios do Paraná, em uma extensão de cerca de mil quilômetros. A liminar foi concedida após estudo realizado por pesquisadores da Universidade Federal do Paraná, que apontou uma série de supostas irregularidades no licenciamento concedido pelo Ibama. 

Painel Infra Mensal





Painel Infra Semanal





Painel Ações



Painel Apple



Referências

  • Recuperação econômica: PMA anuncia investimentos em turismo e obras (infonet.com.br)

  • OMC revisa previsão e vê queda de 9,2% no comércio global de bens em 2020 (g1.globo.com)

  • Deputados da Alesp não entram em acordo e debate sobre ajuste fiscal deve ser retomado nesta terça (g1.globo.com)

  • Processo de concessão da raspadinha trava (selecoes.com.br)

  • RSC-287 na região ficará para segundo lote de concessão (jornalibia.com.br)

  • Brasil precisa de reforma e acordo com União Europeia, diz FMI (infomoney.com.br)

  • Orçamento: deputados planejam emendas para reduzir cortes; governo diz ter feito 'projeções realistas' (oglobo.globo.com)

  • BR do Mar e o futuro da logística brasileira (odebate.com.br)

  • Petrobras reduz processamento em refinarias a menos de 70% da capacidade por parada em unidades (g1.globo.com)

  • Governo quer atrair novos investimentos da JBS ao Paraná (aviculturaindustrial.com.br)

  • EcoRodovias(ECOR3): tráfego entre março e outubro cai 11,2% (sunoresearch.com.br)

  • Tráfego total nas concessões da Ecorodovias cai 14,8% no período da pandemia (moneytimes.com.br)

  • Setor produtivo ganha com obras de infraestrutura na Região Norte (portalrondonia.com)

  • Paraná quer atrair mais investimentos da JBS para o Estado (avisite.com.br)

  • Governo quer atrair novos investimentos da JBS ao Paraná (folhaextra.com)

  • MInfra e Aeronáutica formalizam plano (revistafatorbrasil.com.br)

  • Privatizações ajudarão a proteger meio ambiente, diz governo (br.financas.yahoo.com)

  • Incentivos do REIDI para compra de 21 locomotivas e 463 vagões de carga para escoar celulose (diariodotransporte.com.br)

  • Governo retoma obras da Linha 6 do Metrô (jornalpp.com.br)

  • Wellington conclui PPP Piauí Conectado com um ano de antecedência e anuncia expansão (180graus.com)

  • W. Dias anuncia expansão da Piauí Conectado para todos os municípios (meionorte.com)

  • Leilão da PPP de esgoto de Cariacica (ES) recebe 7 propostas, diz fonte (valor.globo.com)

  • Resíduos sólidos: 304 cidades devem receber recursos (sitebarra.com.br)

  • Gigantes do saneamento entram na disputa pela PPP de Cariacica (agazeta.com.br)

  • Doria dá início a obras da Linha 6-Laranja em São Paulo (saopaulo.sp.gov.br)

  • Paradas há quatro anos, obras da linha-6 serão retomadas nesta terça (jornalcidade.net)

  • Governo do Estado dá início às obras da Linha 6-Laranja em São Paulo (otaboanense.com.br)

  • País precisa de reforma e acordo com UE, diz FMI (em.com.br)

  • Justiça suspende licenças ambientais para construção de linhas de transmissão em área de proteção (g1.globo.com)

  • Setor aéreo vai 'queimar' US$ 77 bilhões de caixa no 2º semestre, estima Iata (g1.globo.com)

  • Ninguém deu lances no leilão do antigo Othon Palace Hotel, localizado no centro de Belo Horizonte (g1.globo.com)


Copyright © Vallya 2020, Todos os direitos reservados.

Posts recentes

Ver tudo

INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 26/11/2020

João Pedro Boskovic Cortez | joao.cortez@vallya.com Alexandre Groszmann | alexandre.gros@vallya.com Destaques do Dia Porto de Santos tem ciclo de obras pré-desestatização: em meio aos estudos iniciai

INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 25/11/2020

João Pedro Boskovic Cortez | joao.cortez@vallya.com Alexandre Groszmann | alexandre.gros@vallya.com Destaques do Dia ANAC aprova reequilíbrio econômico-financeiro em concessões de quatro aeroportos:

INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 24/11/2020

João Pedro Boskovic Cortez | joao.cortez@vallya.com Alexandre Groszmann | alexandre.gros@vallya.com Destaques do Dia Guedes faz mea-culpa e diz que governo “vai para o ataque” com privatizações e ref

 

CONTACT VALLYA

BRASÍLIA

SHIS QI 11
Conjunto 10 Casa 7

 

Lago Sul

Brasília - DF

 

+55 61 3364.0955

PEQUIM

Rm1810, Scitech Tower

 

22 Jianguomenwai

 

Pequim

China

 

+86 10 8511 3729

PORTO ALEGRE

Rua Prof. Langendonck, 57
6° andar

 

Petrópolis

Porto Alegre - RS

 

+ 55 51 3331.5004

Grupo Vallya 2020. Todos os direitos reservados.