top of page

INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 28/11/2023

Destaques do Dia

28/11/2023

João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com

Alan da Mota Penteado Rafaini alan.rafaini@vallya.com


Prefeitos do Rio de Janeiro se reúnem para avaliar a concessão dos serviços de energia: Ontem (27), prefeitos de 99 municípios do Estado do Rio de Janeiro se reuniram para tratar dos serviços prestados pela concessionária de energia Enel. A empresa tem sido alvo de críticas pelo serviço prestado há algum tempo, mas recentemente a situação tem piorado. Assim, com o término da concessão previsto para 2026, os prefeitos da região buscam uma alternativa para o fornecimento de energia. Durante o encontro, foi priorizado o diálogo com o Governo Federal para elaboração do novo modelo de concessão do serviço de energia no Brasil, pois mesmo se tratando de uma concessão federal, é fundamental a participação dos municípios. Em breve, será protocolado ainda um plano de contingência para o verão, pois segundo os representantes municipais, a concessionária está realizando um menor número de intervenções dado o final do contrato. Contudo, as adversidades climáticas devem estar no horizonte, apontam os prefeitos. Por fim, foi proposto uma frente ampla contra a Enel. Nos próximos dias, irão à Brasília (DF) para discutir junto à Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e ao Ministério de Minas e Energia os critérios do atual contrato de concessão do fornecimento de energia. (Prefeitura de Niterói)


Governo do Paraná quer se tornar o maior hub logístico da América do Sul: O Governo do Estado do Paraná busca investidores para projetos de infraestrutura logística, com investimentos na ordem de R$ 61,5 bilhões. O objetivo do governo é que a indústria paranaense seja a terceira maior do país, atualmente, o estado tem a quarta maior produção industrial do país. Parte do desenvolvimento industrial que vem ocorrendo no Paraná deve-se às cooperativas agrícolas, que estão se convertendo em organizações agroindustriais. O sistema rodoviário tem auxiliado no processo, o estado possui o maior pacote de concessões do país. Ao todo são 3.368 km de estradas federais e estaduais, que devem receber investimentos de R$ 50 bilhões, sendo a maior parte disso até 2030. Cerca de metade dos trechos serão duplicados, assim, 80% das estradas sob concessão terão duas pistas. As maiores rodovias fazem parte do chamado “Anel de Integração”, que interliga as principais cidades com a capital e o porto de Paranaguá. A primeira coisa que um empresário avalia sobre um negócio é a logística, afirmou Marco Aurélio Barcelos, diretor-presidente da Associação Brasileira de Concessionárias de Rodovias (ABCR). Barcelos declarou ainda, que os futuros leilões de concessão devem ter concorrência, inclusive internacional, dada a estrutura do estado. Dos seis lotes do pacote de concessões, dois já foram leiloados. No que se refere às ferrovias, são esperados cerca de R$ 11,5 bilhões em investimentos para o trecho entre Cascavel (PR) e o porto de Paranaguá, segmento mais conhecido como a Nova Ferroeste. Segundo o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) o custo total pode superar R$ 35 bilhões. (Valor Econômico)


Outras notícias


• O Governo do Estado do Espírito Santo, por meio da Companhia Estadual de Transportes Coletivos de Passageiros do Estado do Espírito Santo (Ceturb-ES) publicou duas licitações destinadas à gestão da Ponte Deputado Darcy Castello de Mendonça (Terceira Ponte) e da Rodovia do Sol (ES-060). As disputas serão realizadas na modalidade Pregão Eletrônico. Os interessados podem acessar os editais no site da oficial da Ceturb-ES. (Governo do Espírito Santo)


• A Prefeitura Municipal de Piracicaba (SP) publicou uma licitação para o terceiro lote de recapeamento asfáltico da cidade, no valor de R$ 120 milhões, que utilizará recursos do Tesouro Municipal e do Financiamento à Infraestrutura e Saneamento (Finisa). O edital e os documentos anexos estão disponíveis no site da prefeitura. A abertura das propostas está marcada para o dia 10 de dezembro, às 8h, com início da fase de lances às 9h do mesmo dia. O critério de julgamento da proposta é por menor valor e a base de disputa é empreitada por preço global. O prazo de contratação é de oito meses, contados da data de emissão da ordem de serviço. (Sampi)


• No último sábado (25), o Departamento de Estradas de Rodagem (DER-SP) abriu uma licitação, na modalidade menor preço, para contratar serviços de fiscalização e controle de velocidade. O serviço deverá ser implementado em 166 trechos de rodovias estaduais, nos municípios de Itapetininga, Bauru e São José do Rio Preto, todos no estado de São Paulo. De acordo com a pasta, 649 equipamentos de fiscalização serão adquiridos através do edital e instalados em 14 regiões. Ao todo, estima-se o custo de aproximadamente R$ 196,8 milhões. Segundo o edital, além de fiscalizar a velocidade dos veículos, os radares também farão, futuramente, a leitura de placas e contagem de automóveis, com transmissão em tempo real para o sistema do DER-SP. As empresas interessadas deverão enviar propostas no dia 08 de janeiro de 2024, na sede do DER-SP, a sessão de abertura do pregão ocorrerá a partir das 10h do mesmo dia. (G1)


Painel Infra Mensal




Posts recentes

Ver tudo

INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 27/02/2024

Destaques do Dia 27/02/2024 João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com Alan da Mota Penteado Rafaini alan.rafaini@vallya.com Governo Federal recebe propostas na licitação da Fiol II: Na última

INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 26/02/2024

Destaques do Dia 26/02/2024 João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com Alan da Mota Penteado Rafaini alan.rafaini@vallya.com Infraestrutura deverá depender do setor privado este ano: Segundo u

INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 23/02/2024

Destaques do Dia 23/02/2024 João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com Alan da Mota Penteado Rafaini alan.rafaini@vallya.com Governo do Mato Grosso do Sul fará concessão das rodovias do Leste d

CONTATO
bottom of page