INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 28/04/2021

João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com

Alexandre Groszmann alexandre.gros@vallya.com

Destaques do Dia CPPI qualifica 21 novos projetos: durante a 16ª Reunião do Conselho do Programa de Parcerias de Investimentos (CPPI) foram qualificados 21 novos projetos (12 de infraestrutura), que passam a ter prioridade nacional perante todos os agentes públicos, nas esferas administrativa e de controle da União, Estados, Distrito Federal e Municípios para a atração de investimentos privados. Também houve aprovação de modelagens de projetos que já constavam na carteira. Destacamos a qualificação dos trechos 2 e 3 da FIOL (Ferrovia de Integração Oeste-Leste); de 8 arrendamentos portuários nos portos de Mucuripe/CE, Itaguaí/RJ, Imbituba/SC, Salvador/BA, Santos/SP e Paranaguá/PR; e de 3 projetos de concessão de florestas para manejo sustentável nos estados de Santa Catarina e Paraná. Além disso, elencamos a aprovação da modalidade operacional e condições de desestatização da BR-101/116/RJ/SP (Dutra) e da BR-262/381/ES/MG pelo Conselho. A Secretária Especial do PPI, Martha Seillier, destacou que, apesar da crise de saúde, já foram realizados leilões de 30 ativos da carteira do PPI em 2021, representando mais de R$ 12,3 bilhões em investimentos e mais de R$ 3,7 bilhões em outorgas para o país. Após a 16ª reunião, a carteira do PPI passa a contar com 196 projetos. Nesta quinta-feira (29) ocorre o leilão da BR-153, com investimentos previstos na ordem de R$ 7,8 bilhões (CAPEX) ao longo de 35 anos de concessão. (PPI) Fux derruba liminar e libera leilão da Cedae; 4 consórcios encaminham propostas: o presidente do STF, Luiz Fux, entrou em cena novamente para garantir a continuidade do leilão de concessão dos serviços de distribuição de água e tratamento de esgoto da Cedae, marcado para esta sexta-feira (30). Fux derrubou a liminar do Tribunal Regional de Trabalho (TRT) da 1ª Região, no Rio de Janeiro, que impedia o processo licitatório. O presidente do STF também determinou a suspensão de qualquer decisão judicial vinda da 1.ª e 2ª instância contra a realização do certame. (G1) Enquanto isso, 4 consórcios encaminharam propostas para o projeto da Cedae. Ao todo, foram feitas 12 ofertas, para os quatro blocos de concessão que serão licitados, englobando 35 municípios. Participam da disputa operadores tradicionais como o consórcio Aegea; o consórcio da BRK Ambiental, que se associou ao grupo Águas do Brasil e à Vinci Partners; e o consórcio da Iguá Saneamento com a Sabesp - a estatal paulista deverá entrar com fatia minoritária, tal como no leilão da Casal, quando ambas também se associaram. A Equatorial Energia também participará do certame, em parceria com a Sonel Ambiental – a empresa tem reiterado sua intenção de entrar no setor de saneamento, no qual ainda não tem ativos. Tarcísio aposta me leilão da Ferrogrão em 2021: o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, afirmou que o leilão da Ferrogrão deve ocorrer no segundo semestre e que os entraves legais que estão impedindo o avanço do projeto serão superados. Com 933 km de extensão entre o Mato Grosso e o Pará, a Ferrogrão terá papel estruturante para o escoamento de produção de grãos do Centro-Oeste e de outros produtos como fertilizantes, açúcar e etanol. A expectativa de investimento no projeto, que tem sido alvo de uma série de questionamentos judiciais, é de R$ 8,4 bilhões. Em março, o ministro do STF, Alexandre de Moraes, concedeu medida cautelar para suspender a eficácia de uma lei de 2017 que altera os limites do Parque Nacional do Jamanxin, no Pará, por onde passará a ferrovia. O ministro também acredita que o marco das ferrovias está na “reta final” de avaliação pelo Senado e que a tramitação na Câmara dos Deputados será “muito rápida”. Senadores de Goiás, Minas Gerais e Espírito Santo tem travado a pauta no plenário, por conta de discordâncias em relação aos investimentos da renovação antecipada da Ferrovia Centro-Atlântica. (CNN) Porto de Santos bate novo recorde de movimentação: O Porto de Santos (SP) movimentou em março 15,2 milhões de toneladas em cargas, o que representa um novo recorde mensal para a instalação, impulsionado especialmente pelos embarques de soja, informou a autoridade portuária local. Segundo a Santos Port Authority (SPA) a instalação portuária movimentou 5,4 milhões de toneladas de soja, uma alta de 28,3% na comparação anual. (Globo Rural)

Outras notícias

  • O Ministério das Comunicações aprovou projeto que libera R$ 1,4 bilhão em debêntures incentivadas. A captação de recursos beneficiará 16 estados e o Distrito Federal, segundo informações da pasta. Os recursos possibilitarão a expansão e modernização dos serviços de acesso à internet e a implantação de redes móveis e fixas com tecnologias 3G, 4G e 5G. Os projetos também implementarão redes de transportes, de acesso e infraestrutura de rede. (Governo Federal)

  • O Ministério da Infraestrutura entregou um trecho de 22 km da duplicação da BR-101, localizado entre os estados da Bahia e Sergipe. Com a inauguração do trecho, são 58 quilômetros de pista ampliada na região, que conta com fábricas de grande porte. (AEC Web)

Painel Infra Mensal


Painel Infra Semanal


Painel Apple



Painel Google



Copyright © Vallya 2021, Todos os direitos reservados.

Posts recentes

Ver tudo

INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 07/05/2021

João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com Vitor Beserra Landim vitor.landim@vallya.com Destaques do Dia Brasil bate recorde histórico de superávit da balança comercial em abril: o mês

INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 06/05/2021

João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com Vitor Beserra Landim vitor.landim@vallya.com Destaques do Dia Bloco de concessão da Cedae sem interessados poderá ser relicitado com mais cidades:

INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 05/05/2021

João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com Vitor Beserra Landim vitor.landim@vallya.com Destaques do Dia Com Cedae, Aegea firma liderança em saneamento: A AEGEA Saneamento, vencedora do lei