top of page

INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 15/12/2023

Destaques do Dia

15/12/2023

João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com

Alan da Mota Penteado Rafaini alan.rafaini@vallya.com


BNDES assina contrato para modelar concessão de rodovias em Minas Gerais: O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico Social (BNDES) assinou um contrato com o Governo do Estado de Minas Gerais para realizar estudos técnicos e estruturar a concessão de um conjunto de novos trechos rodoviários em diferentes regiões do Estado, que totalizam até 2,4 mil quilômetros. O sistema rodoviário faz parte da terceira rodada do programa de concessão de rodovias estaduais e está localizado nas regiões do Vetor Norte, da Zona da Mata e do Noroeste do estado. O BNDES informou que, segundo estudos técnicos, o projeto contribuirá para a identificação e alocação dos riscos associados aos empreendimentos, a avaliação da viabilidade técnica, econômica e ambiental dos projetos, entre outras questões que devem ser consideradas em projetos de concessão. Com o apoio de consultorias especializadas, será avaliado qual é o melhor modelo de negócio para estabelecer a concessão. O BNDES acompanhará os processos de consulta e audiência pública, assim como a realização dos leilões e a efetivação da assinatura do contrato entre o setor público e o parceiro privado vencedor do certame. Além dos novos trechos, o contrato também prevê que poderão ser reavaliados os projetos para concessão de até 1.109,5 km de rodovias localizadas nas regiões de São João del Rei, da Lagoa da PrataItapecerica e de Patos de Minas-Arcos, ambos em Minas Gerais. (Valor Econômico)


Governo de São Paulo autoriza a abertura da licitação do lote Litoral Paulista: Hoje (15), o Governo do Estado de São Paulo publicou, no Diário Oficial do Estado, a autorização de abertura da licitação do Lote Litoral Paulista. A expectativa é que em breve seja publicado o edital, uma vez que os estudos já estão em andamento. O lote trata das rodovias que conectam o município de Arujá ao Litoral Sul com aproximadamente 200 km de extensão. Ao todo, as rodovias a serem concedidas passam por 13 municípios. Neste edital, estão inclusas as rodovias: Mogi-Bertioga e Mogi-Dutra, em que está prevista a cobrança de pedágio em dois pontos da rodovia Mogi-Dutra, que liga as cidades de Mogi das Cruzes e Arujá, por meio de free flow, e um deles na Mogi-Bertioga. A Secretaria de Parcerias em Investimentos (SPI) informou que as rodovias SP-055, SP-088 e SP-098 também fazem parte do projeto de Parceria Público-Privada (PPP) de rodovias estaduais no litoral paulista, no âmbito do Programa de Parcerias de Investimentos do Estado de São Paulo (PPI-SP). Segundo a SPI, o modelo anterior previa a concessão do serviço à iniciativa privada, agora ele passa a ser uma parceria público-privada (PPP), na qual o Governo de São Paulo irá custear R$ 5,3 bilhões em contraprestação ao longo dos 30 anos previstos. Os recursos deverão ser aportados na implementação de investimentos e operação dessas rodovias. (G1)


Movimentação portuária apresenta queda em outubro de 2023: De acordo com os dados disponibilizados pela Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), referente à movimentação portuária no mês de outubro de 2023, quando comparado ao mês imediatamente anterior, foi identificada queda no nível da atividade no setor (-2,81%). Em relação ao tipo de carga movimentada, na mesma base de comparação, foi observada a retração na movimentação no segmento Granel Sólido (-6,85%). Por outro lado, os segmentos Carga Geral (+6,12%) e Carga Conteinerizada (+3,77%), Granel Líquido e Gasoso (+3,75%) apresentaram variação positiva. No que se refere ao mesmo período do ano anterior, foi identificado o avanço de +5,02%, impulsionado pelo aumento na movimentação de Granel Sólido (+9,79%). De outro modo, foi observada a redução na atividade nos segmentos: Granel Líquido e Gasoso (-1,00%,) Carga Geral (-2,73%) e Carga Conteinerizada (-2,23%). No acumulado do ano, em relação ao mesmo período do ano anterior, o indicador total de movimentação apresentou crescimento de +4,46%. O resultado positivo foi puxado pelo aumento na movimentação de Granel Sólido (+7,30%) e Granel Líquido e Gasoso (+4,07%). Em contrapartida, foi observada a redução nos seguintes segmentos: Carga Geral (-8,62%) e Carga Conteinerizada (-3,88%).


Outras notícias


• Ontem (14), a Câmara Municipal de Campo Grande (MS) promoveu uma audiência pública destinada à avaliação da renovação da concessão da Energisa, empresa responsável pelo fornecimento de energia elétrica no estado do Mato Grosso do Sul. Neste momento, a concessionária possui diversas reclamações frente aos serviços prestados, situação que acontece em outras regiões do país com outras concessionárias. Segundo os organizadores, a pauta principal foi “não queremos que a concessão seja renovada sem que a sociedade seja ouvida”. O evento visa estimular melhorias para a população que utiliza os serviços da concessionária. (Enfoque MS)


• O Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCE-MG) revogou a suspensão do edital de concorrência dos serviços de água e esgoto de Governador Valadares (MG). O certame havia sido suspenso liminarmente pelo mesmo conselheiro, que agora solicitou a continuidade do processo, uma vez que “a manutenção da decisão de suspensão poderá causar mais prejuízos aos munícipes do que o prosseguimento da licitação, haja vista a essencialidade do serviço objeto do certame, razão que impõe a revogação da medida cautelar concedida”. Portanto, o município agora está liberado para dar continuidade ao processo de concessão dos serviços de saneamento. (Clarim)


• O Tribunal de Contas do Estado do Mato Grosso (TCE-MT) investiga a licitação referente à contratação de empresa de engenharia para execução de obras de restauração na rodovia MT-010 realizada pelo Governo do Estado de Mato Grosso, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra-MT). No processo foi destinado o montante de R$ 72 milhões às obras de melhorias da rodovia. O processo decorre em função de uma denúncia, realizada pela empresa Enpa Engenharia e Parceria Ltda, que apontou supostas ilegalidades no processo, durante a fase dos lances da disputa, que tinha como critério o menor preço para a realização dos serviços. Neste momento, não é viável a suspensão da licitação, uma vez que as intervenções são fundamentais para lidar com as intensificações das chuvas no verão. (VG Notícias)


Painel Infra Mensal






Posts recentes

Ver tudo

INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 21/06/2024

Destaques do Dia 21/06/2024 João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com Alan da Mota Penteado Rafaini alan.rafaini@vallya.com Governo Federal apresentará concessão do Rio Madeira na próxima sema

INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 20/06/2024

Destaques do Dia 20/06/2024 João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com Alan da Mota Penteado Rafaini alan.rafaini@vallya.com Setor de saneamento terá ao menos dois grandes leilões neste ano: Ne

INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 19/06/2024

Destaques do Dia 19/06/2024 João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com Alan da Mota Penteado Rafaini alan.rafaini@vallya.com Governo Federal e concessionária Fraport avaliam a situação do Aerop

ความคิดเห็น


CONTATO
bottom of page