top of page

INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 15/02/2023

Infraestrutura em Destaque

15/02/2023

Alan da Mota Penteado Rafaini alan.rafaini@vallya.com

João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com

Destaques do Dia Estado do Paraná avança nas licitações para reforma de pontes: Ontem (14), o Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR) publicou em Diário Oficial e no portal Compras Paraná o resultado da análise de preços de licitações para reforma de pontes, viadutos e galerias nas regiões Norte e Vale do Ivaí, no estado do Paraná. Assim, duas participantes de cada edital foram classificadas para a etapa seguinte, a abertura de envelopes com documentos de habilitação, marcada para o dia 1º de março. Na sequência, os documentos serão analisados pela comissão de julgamento do DER/PR. As obras fazem parte de um pacote de 20 editais do governo estadual que está revitalizando 195 pontes e viadutos em todo o estado, com investimento de R$ 118 milhões. Ao todo, 24 municípios serão beneficiados pelas obras. Entre as principais obras está a ponte interestadual do Rio Paranapanema (PR-323), entre o município de Sertaneja (PR) e Florínea (SP). Os vencedores das licitações deverão realizar reparos em estruturas de concreto, instalar dispositivos de drenagem, inserir dispositivos de segurança como defensas metálicas, entre outras intervenções de melhoria. (TNOnline) DNIT deve lançar licitação para obra de acesso à Rota Bioceânica: O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) deverá lançar em abril a licitação das obras do acesso no lado brasileiro à ponte internacional sobre o rio Paraguai, entre Porto Murtinho (MS) e Carmelo Peralta, no Paraguai. A estrutura é essencial para viabilizar a Rota Bioceânica Rodoviária, que vai conectar o oceano Atlântico ao Pacífico, no Chile, tendo Porto Murtinho, em Mato Grosso do Sul, como ponto de saída do Brasil. A ponte está sendo construída por um consórcio binacional, com investimento que ultrapassa 575 milhões de reais, providos pela administração da Itaipu. A ordem de serviço da ponte foi dada no dia 13 de dezembro de 2021. Recentemente, o consórcio Pybra, formado pelas empresas Tecnoedil Construtora, do Paraguai, e Cidade Ltda e Paulitec Construções, do Brasil, declarou que a conclusão das obras será no primeiro semestre de 2025. Segundo o DNIT, o acesso à ponte faz parte da mesma obra do Contorno Rodoviário Norte de Porto Murtinho, que está orçada em R$ 190 milhões e deverá ser entregue 18 meses, a obra terá aproximadamente 13,1 km, com o seu início no km 678 da rodovia BR-267. A Rota Bioceânica irá reduzir em 8 mil quilômetros a rota marítima na exportação de produtos de Mato Grosso do Sul e de outros estados do Centro-Sul para a Ásia, em comparação ao escoamento pelos portos do sudeste e sul do país. Haverá ainda o estímulo ao comércio e à integração entre os países que fazem parte do trajeto. (Primeira Página) A atualização dos indicadores ferroviários indica crescimento de atividade no setor em dezembro de 2022: De acordo com os dados publicados pela Agência Nacional de Transportes Terrestre (ANTT), referente ao mês de dezembro de 2022, a movimentação em ferrovias apresentou crescimento de +0,89%, em relação ao mesmo de imediatamente anterior. No que se refere às concessionárias, na mesma base de comparação, destaca-se o aumento na movimentação das seguintes concessionárias: MRS (+4,38%), e Vale (+4,23%). Por outro lado, foi identificada queda na movimentação da Ferroeste (-59,77%), VLI (-14,93%), FTC (-8,49%) e Rumo (-6,14%) e Transnordestina (-1,57%). Em relação aos produtos transportados monitorados, para o mesmo período analisado, foi observado uma queda de +0,46%, considerando os produtos monitorados. No entanto, cabe mencionar que houve crescimento na movimentação dos seguintes insumos: Minério de Ferro (+4,96%) e Milho (+3,22%). Em contrapartida, foi identificada a redução significativa na movimentação da Soja (-68,39%), seguida pela redução do e Açúcar (-27,88%), Óleo Diesel (-16,66%), Farelo de Soja (-13,57%), Outros (-10,75%), Contêiner (-8,81%) e Celulose (-7,41%). Ao comparar ao mesmo período de 2021, foi identificado que a movimentação ferroviária das concessionárias apresentou redução (-0,85%). As maiores quedas foram para as seguintes concessionárias: Vale (-6,59%), Rumo (-4,34%), e FTC (-3,68%). De outro modo, as concessionárias marcaram crescimento no mesmo período: Ferroeste (+261,68%), MRS (+25,04%), VLI (+8,70%) e Transnordestina (-3,78%). Ao analisar os produtos transportados, comparando ao mesmo período de 2021, foi identificado comportamento similar ao das concessionárias, ou seja, houve queda na movimentação dos produtos (-0,62%). Os produtos com maior redução que foram: Soja (-88,88%), Outros (-13,06%), Óleo Diesel (-9,19%), Farelo de Soja (-1,70%), Minério de Ferro (-0,88%) e Contêiner (-0,51%). Em contrapartida, foi identificado o aumento para os seguintes produtos: Açúcar (37,56%) e Milho (+36,31%), e Celulose (13,15%). No acumulado de 2022, a movimentação ferroviária das concessionárias apresentou redução (-1,57%) em relação ao mesmo período de 2021, indicando queda de performance para o setor ferroviário. A concessionária com maior movimentação foi a Rumo (8,00%), seguido pela VLI (+7,74%), FTC (4,47%) e MRS (+2,22%). Por outro lado, a menor movimentação foi da Ferroeste (-34,28%), seguido pela Transnordestina (-11,64%) e Vale (-6,51%). Os produtos monitorados mantiveram estabilidade (-0,11%) no acumulado do ano de 2022 em relação a 2021. As maiores altas na movimentação foram dos seguintes produtos: Milho (+68,93%), Celulose (25,53%), Farelo de Soja (+19,64%), Contêiner (+4,29%) e Óleo Diesel (+1,99%). Enquanto as maiores reduções foram para: Minério de Ferro (-5,05%), Açúcar (-4,48%), Soja (-1,85%), Outros (-1,27%).

Outras notícias

  • O Governo do Estado de São Paulo prepara o projeto de concessão patrocinada das travessias de balsas à iniciativa privada. Uma versão do documento foi entregue ontem (14) ao Conselho Estadual do Programa de Parcerias. O objetivo é melhorar a eficiência, reduzir as filas e oferecer tarifa justa aos usuários, por meio de uma concessão patrocinada. Neste momento, o edital desenvolvido no governo anterior não será reaproveitado. Cabe mencionar que foi realizada uma reforma do equipamento, a qual custou R$ 4,9 milhões, o que pode aumentar o interesse pelo contrato. (A Tribuna)

  • O Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER-PR) informou que a empresa Prosul foi declarada a vencedora da licitação para a elaboração dos Estudos de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental (EVTEA) para a construção de uma nova ponte de ligação do Paraná com o Mato Grosso do Sul. A previsão é que a obra seja realizada sob o Rio Paraná, entre os municípios de São Pedro do Paraná (SP) e Taquarussu (MS). Os estudos serão custeados pela Itaipu Binacional, após a formação do convênio entre a hidrelétrica e os governos do Paraná e Mato Grosso do Sul, o valor do contrato é de aproximadamente 3 milhões de reais. O objetivo deste estudo será apontar vantagens, desvantagens, possível desenvolvimento socioeconômico da região, impactos ambientais, além das técnicas de engenharia a serem utilizadas para a viabilidade da obra. (Portal Paraná)

  • A Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), em parceria com o Ministério de Minas e Energia e com o Banco Mundial, abriu uma licitação para contratar empresas para o processo de modernização da infraestrutura tecnológica do CliqCCEE, sistema de contabilização e liquidação de todas as operações do mercado. Até sexta-feira (17), os interessados deverão manifestar interesse. O projeto terá duração de 18 meses com início previsto para junho de 2023. As manifestações de interesse com os respectivos portfólios devem ser encaminhadas ao e-mail: compras@ccee.org.br. Os documentos relacionados ao projeto e à licitação estão disponíveis no site do Banco Mundial. (O Empreiteiro)

Painel Infra Mensal

Painel Infra Mensal

Copyright © Vallya 2023, Todos os direitos reservados.

Posts recentes

Ver tudo

INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 21/06/2024

Destaques do Dia 21/06/2024 João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com Alan da Mota Penteado Rafaini alan.rafaini@vallya.com Governo Federal apresentará concessão do Rio Madeira na próxima sema

INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 20/06/2024

Destaques do Dia 20/06/2024 João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com Alan da Mota Penteado Rafaini alan.rafaini@vallya.com Setor de saneamento terá ao menos dois grandes leilões neste ano: Ne

INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 19/06/2024

Destaques do Dia 19/06/2024 João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com Alan da Mota Penteado Rafaini alan.rafaini@vallya.com Governo Federal e concessionária Fraport avaliam a situação do Aerop

Comments


CONTATO
bottom of page