top of page

INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 27/02/2024

Destaques do Dia

27/02/2024

João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com

Alan da Mota Penteado Rafaini alan.rafaini@vallya.com


Governo Federal recebe propostas na licitação da Fiol II: Na última sexta-feira (23), o Governo Federal, por meio da Infra S.A., realizou a abertura das propostas do processo licitatório para continuidade das obras da Ferrovia de Integração Oeste Leste (Fiol). O certame engloba o trecho de 140 km, entre os municípios baianos de Caetité e Bom Jesus da Lapa, incluindo a montagem de trilhos da ponte ferroviária sobre o Rio São Francisco, com 2,9 km, a maior da América Latina (lotes 5FB e 6FC). Segundo a estatal, quatro empresas participaram da licitação. O processo segue agora para etapas de julgamento, habilitação e homologação do certame. A vencedora será responsável pela atualização dos projetos básicos e elaboração dos projetos executivos, além da realização das obras. Ainda não foram divulgados os detalhes de cada uma das propostas. O investimento previsto ultrapassa os R$ 365 milhões para esta etapa. A obra foi iniciada há uma década e o canteiro de obras deste lote fica localizado no município de Guanambi (BA), também cortado pela rodovia. Em 2024, a Fiol 2 iniciou com 65,8% das obras concluídas, isto é, com extensão de aproximadamente 485 km. Segundo a previsão da Infra S.A., com os investimentos feitos ao longo deste ano, até dezembro, a taxa de conclusão deverá ser superior a 70%. (Agência Sertão)


Governo de São Paulo prepara dois novos leilões de rodovias: O Governo do Estado de São Paulo prepara duas licitações para substituir a ViaOeste, uma das maiores concessões da CCR, responsável pelo Sistema Castello-Raposo, que chega ao fim em março de 2025. O plano é dividir a concessão em duas, incluindo outras estradas que neste momento são operadas pelo Estado. Em março, deverão ser abertas as consultas públicas dos dois lotes: a Rota Sorocabana, que prevê investimentos de R$ 6,7 bilhões, e o lote Nova Raposo, com R$ 10,4 bilhões. A consulta da Rota Sorocabana deve ser iniciada no começo de março. A concessão inclui 488 km de estradas, entre as intervenções previstas estão faixas adicionais na região de Sorocaba para a Raposo e a SP-075, as duplicações da SP-250 entre Vargem Grande Paulista e Piedade e da SP-079 entre Piedade e Votorantim. O lote da Nova Raposo deverá ter 147 km, que incluem os trechos da Castello Branco e da Raposo Tavares entre a capital e a região metropolitana a oeste de São Paulo. Será adicionado ao lote a Estrada dos Romeiros (SP-312), que deverá ser duplicada. Antes dessas duas licitações, haverá outro leilão referente à PPP do Lote Litoral Paulista, que prevê R$ 4,3 bilhões de investimentos, além de outros R$ 2,7 bilhões de despesas operacionais ao longo do contrato de 30 anos. (Valor Econômico)


Outras notícias


•  Ontem (26), a Ecorodovias assinou um termo aditivo referente ao contrato de concessão da Eco101, agora a concessão será prorrogada por 120 dias. De acordo com a empresa, os cenários possíveis e viáveis à readaptação e otimização do contrato de concessão estão sendo concluídos na Câmara de Soluções Consensuais do Tribunal de Contas da União. Caso essa alternativa seja viabilizada, o termo aditivo será extinto e novos termos de otimização e adequação do contrato de concessão serão elaborados. Do contrário, o processo de relicitação da BR-101/ES/BA seguirá adiante, como previsto inicialmente. Assim, a Eco101 permanecerá operando o trecho concedido, de forma a preservar o interesse e a segurança dos usuários da Rodovia BR-101/ES/BA, declarou o grupo Ecorodovias. (Valor Econômico)


•  Amanhã (28), os primeiros dois lotes das novas concessões rodoviárias do Paraná entram em operação, mas a cobrança do pedágio deverá ser iniciada apenas no final de março. A informação é do diretor da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Luciano Lourenço. Segundo Lourenço, os usuários das rodovias serão avisados dos valores das novas tarifas com 10 dias de antecedência do início da cobrança. A Via Araucária e a EPR Litoral Pioneiro, empresas responsáveis pelos Lotes 1 e 2, respectivamente, vão realizar obras de melhorias que somam mais de R$ 30 bilhões ao longo dos próximos 30 anos. Neste período, elas também deverão prestar serviços de manutenção e atendimento aos usuários em mais de mil quilômetros de rodovias que compõem os dois trechos. (Banda B)


•  A Prefeitura Municipal de Camboriú (SC) adiou a assinatura do termo de concessão para o serviço de saneamento básico do município, inicialmente o processo seria realizado hoje (27). O motivo para o adiamento é que um item não foi retirado contrato, conforme a Procuradoria do município havia solicitado. A implantação do sistema de esgoto de Camboriú, que inclui a construção da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) e um rede coletora, será realizada pela concessionária Águas de Camboriú, que já faz o serviço de distribuição de água no município. A prefeitura ainda não divulgou uma nova data e horário da assinatura do contrato. (Página 3)


Painel Infra Mensal









Posts recentes

Ver tudo

INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 12/07/2024

Destaques do Dia 12/07/2024 João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com Alan da Mota Penteado Rafaini alan.rafaini@vallya.com Governo de São Paulo opta revogar a concessão da Linha-15 Prata: Hoj

INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 11/07/2024

Destaques do Dia 11/07/2024 João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com Alan da Mota Penteado Rafaini alan.rafaini@vallya.com Ministério da Integração e do Desenvolvimento Regional assina contra

INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 10/07/2024

Destaques do Dia 10/07/2024 João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com Alan da Mota Penteado Rafaini alan.rafaini@vallya.com Governo Federal investe em infraestrutura de transportes no Acre: O

Comments


CONTATO
bottom of page