INFRAESTRUTURA EM DESTAQUE - 28/07/2022

Infraestrutura em Destaque

28/07/2022

Alan da Mota Penteado Rafaini alan.rafaini@vallya.com

João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com

Destaques do Dia Governo do Rio de Janeiro libera licitação em busca de novo administrador para o Maracanã: Hoje (28), o governo do Estado do Rio de Janeiro publicará o edital de concessão do Complexo Maracanã, localizado na capital do estado. Entre as exigências do edital está a necessidade de comprovar a realização de ao menos 70 jogos no Maracanã. Onde 54 deles devem ser de campeonatos organizados pela Confederação Brasileira de Futebol e pela Conmebol. No que se refere ao Maracanãzinho, os licitantes também devem provar a realização de 12 eventos esportivos. No edital haverá mais detalhes sobre o processo e como será escolhido o futuro administrador do estádio do Maracanã e do Maracanãzinho, que terá vigência pelos próximos vinte anos. É esperado que o contrato de exploração do ativo fique em torno de 100 milhões e 600 mil reais. A licitação está prevista para o dia 27 de outubro. Neste momento, o Maracanã é administrado pelo Flamengo e Fluminense, ambos manifestam interesse em manter a gestão. A disputa pela concessão pode ficar ainda maior, uma vez que o Vasco demonstrou interesse no estádio. Em 2021, houve uma audiência pública, onde os interessados tiraram dúvidas e deram sugestões sobre o processo. De acordo com o governo, as sugestões feitas na audiência foram avaliadas e auxiliaram na elaboração do edital. (Band) Prorrogação da concessão da MRS será assinada nesta sexta-feira: Amanhã (29), o Ministério da Infraestrutura assinará a prorrogação antecipada do contrato com a MRS Logística, operadora responsável por 1,8 mil quilômetros de trilhos na região Sudeste. O processo acontecerá durante uma cerimônia em Juiz de Fora (MG). O contrato de concessão da MRS seria finalizado em 2026, mas o acordo para a antecipação foi negociado para que a empresa aumentasse os investimentos na malha ferroviária. De acordo com o ministro, a renovação de contratos neste molde já é uma prática realizada e constitui um dos “tripés” do plano de investimentos no modal ferroviário. Com a extensão do contrato, a concessionária realizará investimentos na ordem de R$ 31 bilhões, durante os próximos 30 anos. Esta é a contrapartida ao uso do trecho ferroviário. O governo espera que o contrato promova o desenvolvimento econômico da região e gere novos postos de trabalho. A concessão da MRS foi assinada pela primeira vez em 1996. A malha possui 1.643 quilômetros de extensão e passa pelos estados de Minas Gerais, São Paulo e Rio de Janeiro, conectando os portos de Santos, Itaguaí, Guaíba e Rio de Janeiro. (Itatiaia) Concessão do metrô de Belo Horizonte (MG) será concluída até dezembro: O ministro da Infraestrutura, Marcelo Sampaio, declarou que o processo de concessão do metrô de Belo Horizonte (MG) deverá ser concluído até final deste ano. Até o momento, duas empresas espanholas já demonstraram interesse em assumir o equipamento. O lançamento do edital depende da avaliação do Tribunal de Contas da União (TCU) sobre a concessão da CBTU Minas. De acordo com o ministro, após o lançamento do edital, que deverá acontecer em setembro, os vencedores do trâmite terão 90 dias para analisar o projeto. “A ideia é fazer o leilão ainda em dezembro. Estive com representantes de uma empresa espanhola que está muito focada no metrô de BH. Eles estão trabalhando com uma empresa de construção. Já estão atuando no metrô de São Paulo. O leilão será bem sucedido”, afirmou Sampaio. Estima-se que será necessário R$ 3,7 bilhões para as obras de ampliação do metrô, onde R$ 2,8 bilhões serão providos pelo governo federal e R$ 430 milhões pelo governo estadual, por meio do acordo de reparação da Vale. O vencedor do certame deverá investir R$ 470 milhões ao assumir o contrato. (Itatiaia)

Outras notícias

  • A Secretaria Estadual de Transportes do Rio de Janeiro e a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) firmaram uma parceria para criar um modelo de concessão para as barcas. Será realizada uma audiência pública para discutir o transporte aquaviário no dia 09 de agosto. Na lista de convidados, além da população, foram convocadas sociedades de Duque de Caxias, São Gonçalo e Magé. O plano de trabalho da universidade estima a entrega do documento final em dezembro deste ano para então dar continuidade à próxima licitação. (O Dia)

  • A Prefeitura de Blumenau (SC) irá municipalizar o Complexo do Sesi, após a aprovação da venda pelo conselho nacional da entidade. Assim, é provável que ao menos uma parte do espaço seja concedido à iniciativa privada. O processo de incorporação ainda levará um pouco mais de tempo para ser concretizada, em função da legislação eleitoral. Os R$ 30 milhões que o governo de Santa Catarina se comprometeu a enviar para que a prefeitura compre o complexo, só serão repassados com o término das eleições. (NSC total)

  • A prefeitura de Bento Gonçalves (RS) informou, por meio de edital, a recontratação da empresa Procidades para fazer novos estudos, que sejam embasados na Lei Nº 6.784, de 27 de dezembro de 2021, para a realização da licitação do transporte coletivo urbano. Esta é a mesma empresa que já havia sido contratada antes da pandemia. (Leouve)

Painel Infra Mensal

Painel Infra Mensal

Copyright © Vallya 2022, Todos os direitos reservados.

Posts recentes

Ver tudo

Infraestrutura em Destaque 11/08/2022 Alan da Mota Penteado Rafaini alan.rafaini@vallya.com João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com Destaques do Dia Justiça Federal suspende leilão para conc

Infraestrutura em Destaque 10/08/2022 Alan da Mota Penteado Rafaini alan.rafaini@vallya.com João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com Destaques do Dia Empresas estrangeiras apresentam propost

Infraestrutura em Destaque 09/08/2022 Alan da Mota Penteado Rafaini alan.rafaini@vallya.com João Pedro Boskovic Cortez joao.cortez@vallya.com Destaques do Dia Justiça suspende leilão de rodovias do